Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

1) Inscrição

>> Para iniciar o seu processo de candidatura tem de aceder ao Inforestudante em: inforestud@nte

No menu “Balcão Académico” deve aceder a: Candidaturas Mobilidade Outgoing >> Selecionar a matrícula no âmbito da qual pretende sair em mobilidade.

>> Para prosseguir com o processo de inscrição, deve voltar a “Candidaturas Mobilidade Outgoing” e seleccionar “Nova Inscrição”.

O/a estudante terá de definir o tipo de mobilidade – Erasmus+ (mobilidades nos países elegíveis para o programa) ou Outras Mobilidades (AEN – mobilidade para a Austrália, Almeida Garrett – mobilidade nacional, Convénios – mobilidade para o Brasil, China, Japão, MAUI – mobilidade para os Estados Unidos da América, RAERI, etc). O Programa Almeida Garrett prevê apenas mobilidade de um semestre. Os/As estudantes que pretendem realizar unidades curriculares práticas (estudantes da Faculdade de Medicina), ao abrigo deste programa, têm de fazer uma inscrição para estudos.

Regime da Mobilidade – 1o semestre, 2o semestre, Anual – tenha especial atenção à escolha desta opção, uma vez que todo o processo de mobilidade estará dependente dela, bem como a inscrição em frequência para o ano letivo da mobilidade.

Âmbito da Mobilidade – Estudo.

Duração – data de entrada e de partida (colocar as datas previstas para a mobilidade de acordo com o regime que escolheu).

>> Após preencher os dados referidos deve seleccionar o botão “continuar”.

Neste passo do processo de inscrição, tem que definir, por ordem de preferência, 3 opções onde pretende realizar a mobilidade.

Opção 1 – alterar
Neste passo terá de escolher o país, a cidade da Instituição e a Instituição de acolhimento e a sua área de estudo. Só pode escolher instituições com as quais existe um acordo celebrado na sua área de estudo. (Ex. Se é estudante de Direito, só pode escolher acordos celebrados na área de Direito). Para validar esta opção, deve seleccionar o botão “Terminar Alteração”.

>> Deve proceder do mesmo modo para a opção 2 e opção 3. Após preencher os dados referidos deve seleccionar o botão “continuar”.

Para avançar deve, então, definir as suas Competências Linguísticas, começando por referir a sua língua materna e adicionando outras línguas estrangeiras e o seu nível de conhecimento das mesmas.

De seguida, terá de preencher os dados do/a Procurador/a, que deverá ser uma pessoa da sua confiança, com disponibilidade e facilidade de deslocação à Casa da Lusofonia, que ficará responsável por tratar dos assuntos da mobilidade, junto da DRI, durante a sua ausência. Não se constitua a si próprio/a como Procurador/a. Quem assina a Procuração é o/a estudante.

Para além disso, deve preencher os dados de alguém a contatar em caso de urgência. >> No final, seleccione o botão Concluir.
A inscrição não está concluída até ter feito upload de todos os documentos solicitados:

Declaração: deve fazer download da declaração, assiná-la e só então deve fazer o seu upload.

Comprovativo do IBAN: deve fazer upload do comprovativo do IBAN e SWIFT Code, documento a ser solicitado junto do Banco sedeado em Portugal ou retirado da sua conta online. O documento tem de ser legível.

Procuração : deve fazer download da Procuração, assiná-la, digitalizá-la e fazer o upload.

Após a lacragem pelo/a estudante, a DRI avalia a inscrição. Caso esta não cumpra os requisitos estipulados, a DRI reserva-se o direito de rejeitar/não aceitar a inscrição. Caso a inscrição seja aceite pela DRI, esta passará para o/a Coordenador/a Departamental ECTS.

 

2) Candidatura

>>Depois da avaliação das inscrições por parte do/a Coordenador/a, a DRI dá andamento ao processo.

O/a estudante recebe uma notificação a informar que a inscrição foi:

Aceite: pode avançar com a candidatura.

Condicionada: pode avançar com a candidatura mas o caso será acompanhado pelo Coordenador e pela DRI. Se o/a estudante não reunir as condições necessárias não poderá sair em mobilidade. Neste estado, o/a estudante poderá ter necessidade de alterar a instituição de acolhimento.

Não Aceite: não tem permissão para avançar com a candidatura. A justificação pode ser vista na notificação recebida pelo/a estudante.

No menu “Balcão Académico” deve aceder a:
>> Candidaturas Mobilidade Outgoing >> Selecionar a matrícula no âmbito da qual fez a inscrição.

>> Deve clicar na lupa e, de seguida, em “Criar Candidatura”, selecionar o Curso e escolher as unidades curriculares às quais pretende ter creditação, fazendo a correspondência com as unidades curriculares da instituição de acolhimento.

Depois de inseridos todos os dados, deve concluir a candidatura, fazer download da Ficha de Candidatura, colar fotografia (se esta não sair no formulário), assiná-la, levá-la ao Coordenador para assinar, fazer upload no sistema e lacrar a candidatura.

3) Prazo de Lacragem da Candidatura

Deve ser lacrada a candidatura após a submissão dos documentos obrigatórios (nos quais se inclui a ficha de candidatura assinada pelo estudante) até 01 de maio (para 1o semestre e ano lectivo) e 30 de setembro (para 2o semestre), salvo se a instituição de acolhimento tiver uma data-limite anterior a essa data. Nesse caso, a lacragem da candidatura deve acontecer no máximo até 15 dias antes da data-limite da instituição de acolhimento.

Após este passo, a DRI enviará a candidatura à instituição parceira que aceitará ou não a candidatura do/a estudante. Por este motivo, não deve comprar viagem sem estar oficialmente aceite pela instituição de acolhimento.

4) Antes da Partida

O/a estudante será convocado para assinar o Contrato de Mobilidade. A assinatura deste documento é de caráter obrigatório e nenhum/a estudante poderá sair em mobilidade sem o assinar.

O/a candidato/a ao programa Erasmus receberá um e-mail a solicitar a realização do primeiro teste OLS (Online Linguistic Support – vide abaixo) que é de caráter obrigatório. Ou seja, nenhum/a estudante pode sair em mobilidade Erasmus sem realizar este primeiro teste de avaliação linguística.

O/a estudante não europeu que saia em mobilidade Erasmus é responsável por tratar do seu processo de visto.

5) Chegada à Instituição de Ensino

O/a estudante deve retirar do Inforestudante o Documento de Chegada que se encontra na Candidatura, no item “Documentos”. Deverá solicitar à instituição parceira o preenchimento do documento (data de chegada e calendário académico de acordo com o seu período de mobilidade) e a assinatura do mesmo. Logo que o documento esteja completo, deve fazer upload no Inforestudante.

6) Saída da Instituição de Ensino

O/a estudante deve retirar do Inforestudante o Documento de Partida que se encontra na Candidatura, no item “Documentos”. Deverá solicitar à instituição parceira o preenchimento do documento (data de partida) e a assinatura do mesmo. Logo que o documento esteja completo, deve fazer upload no Inforestudante.

O/a candidato/a ao programa Erasmus receberá uma mensagem a solicitar a realização do segundo teste OLS (Online Linguistic Support) que é de caráter obrigatório.

Guia de Estudos:

Regulamento de Mobilidade:

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.