João Silva

João Silva

 

Curso:
MIEM

Ano de Mobilidade:
4º Ano

Local:
Split, Croácia

Facebook:

Documentos para a Candidatura:
Ficha de Candidatura da Instituição de Acolhimento

Nº de ECTS Aprovados:
27

Unidades Curriculares com Equivalência:
Máquinas elétricas;
TCM;
EGI;
CAE;
TEcMec 2.

Aulas com estudantes locais ou de Mobilidade:
Locais (mas apenas uma ou duas e os alunos traduziam nos as coisas para inglês)

Métodos de Avaliação:
Base de trabalhos finais e três exames.

Exigência da Avaliação (0 a 10):
2

A experiência afetou o percurso académico:
Nem por isso.

Sozinho(a) ou acompanhado(a):
Acompanhado

Maiores Dificuldades:
Perder o “receio” inicial de estar no estrangeiro, mas passa num instante (no máximo 2 semanas e é como se nada fosse).

Como classificas a ESN (Erasmus Student Network):
Muito boa.

Atividades da ESN:
Muito bom.

Programa de Buddies:
Bom.

Barreiras Linguísticas nas aulas:
Pouca ou nenhuma.

Barreiras Linguísticas nas avaliações:
Pouca ou nenhuma.

Barreiras Linguísticas no quotidiano:
Ás vezes os locais ignoram por ser estrangeiro, mas no geral comunica-se bem em inglês.

Recetividade das Pessoas:
Na sua grande maioria muita.

Custo de Transportes:
Mais barato, mas só autocarros (onde o passe mensal anda em torno de 10€ e o bilhete de uma viagem em 1,5€);
comboios não é aconselhável pelos locais.

Custo de Restauração:
Preços variam com a época, podendo ultrapassar Coimbra facilmente.

Custo de Alimentação:
Os bens alimentares são muito mais acessíveis.

Custo da Vida Noturna:
É mais cara que Coimbra.

Preço de um Fino:
Por norma bebe-se ao meio litro que é em média 2€.

Preço de um café:
Não bebo café, portanto nunca notei nos preços.

Preço de um Big Mac:
Não me recordo, mas creio ser pouco mais barato.

Preço de uma Casa:
Arranjam-se boas casas por 150€/mês, mas por pessoa (raramente se chega aos 200€).

Distância do Campus ao centro da cidade:
À volta de 2,5Km.

Pontos de Interesse da Cidade:
A parte histórica da cidade (centro),
praias (de uma beleza inimaginavel),
ilhas,
“serra”.

Conseguiu visitar outras cidades:
Visitei a Croácia de alto a baixo, Bósnia, Montenegro, Eslovénia, Hungria, Eslováquia, Áustria, República Checa e Itália (em todos estes países apenas andei pelas capitais e ocasionalmente uma ou outra cidade mais importante).

Meios de transporte utilizados:
Autocarro (meio incrivelmente barato)

Recomendas a Experiência:
SIM! É aproveitar ao máximo enquanto se pode.

Comentários Finais:
“Melhor experiência que se pode ter e única na vida, amizades incriveis para sempre, viagens com historias incriveis de se contar. Ir de ERASMUS devia ser algo obrigatório faz-nos desenvolver e crescer bastante.
Apenas recomendo que se desinibam e se aproveitem de tudo ao máximo.”.